Não que me seja especialmente importante

porque para o Parlamento e o sustento da farsa democrática desta não menos farsante República, já dei. Agora:confuso, ando, mesmo sabendo que a “história é caprichosa “. ( Block ). Ou seja: a Ferreira Leite ainda mal abriu a boca e já foi devorada por uma estranha aliança. O professor Vital, o Van Zeller, ( da CIP ), o Reis Campos ( da Construção Civil, pois ) e o gajo da Mota Engil a que se juntaram o Opus Gay e a Ilga.  Soberbo. Tiro o barrete à Senhora. Por instantes até me esqueci que graças às armas do Bush e do Barroso, aliás, do Saddam, estão de volta ao Iraque a Shell, a BP, a Exxon, a Total e a Chevron. Pois, lapidar. Quase tanto como o golpe constitucional em curso na Turquia andar esquecido por estas paragens, se calhar porque os militares nacionalistas invocam a necessidade da ditadura para respeitar o secularismo passando por cima dessa chatice, o voto popular. Logo cá, onde militares rima com abrilada e liberdade. Mais: cautelosos, os especialistas e comentadores do costume ainda não perceberam que a trégua Hamas/Israel não vem a calhar para ninguém. Nem ao esterco corrupto da Fatah, nem às ditaduras sunitas, nem à estratégia do Irão, nem aos americanos e, provávelmente, nem a Israel. Aceitam-se apostas, mas no fim, mais uma vez, os palestinianos vão continuar a pagar a factura. Go let it out…isto vai, vai.

Anúncios

Deixe um comentário

Ainda sem comentários.

Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

  • Blog Stats

    • 61,900 hits