Take a walk on the wild side. Até porque é sexta feira

e, pelos vistos, os pessimistas insistem. No resto, por fim, a resposta da nossa inteligência burguesa, que tardou mas pouco trouxe. Em força. Do avençado do Capital, Vitorino, ( ” é preciso não ligar os acontecimentos à Imigração “, pois ), à argumentação hipócrita e desonesta, habitual de Joana Amaral Pais que, assume a sua postura autista face à realidade. A ser assim, pouco adianta o debate. Mais do mesmo que conhecemos. Agora, a Quinta da Fonte, ( como se calhar Casal de Cambra, Bairro de Copalme ou Bairro da Bela Vista, entre tantos ), é acima de tudo um problema urbanístico. Denunciar a delinquência imigrante ou o racismo negro é ser…racista. Com gente desta resta o convite. Venha ao Porto. Não a um bairro. A Stª Catarina e, se passar entre os jipes todo o terreno e mercedes angolanos estacionados à porta, entre no Centro Comercial Rio num fim de semana à noite. Por exemplo. Constate, se sobreviver, a pilhagem, as lojas destruídas, as montras partidas, as cenas de pancadaria. E mais, muito mais, factos sem fim que, desde fotos a notas de reportagem, terei todo o prazer em lhe fornecer. Se sobreviver, claro. Pouco diferença fará. Eu sei. Afinal, já sem ciganos, ainda esta noite a PSP foi atacada, de novo, na Quinta da Fonte. Venham verbas e subsídios, ora pois. Que mais esperar de um País e de uma classe política onde o primeiro ministro nos cobre de vergonha ao fazer o elogio que fez ao regime de Luanda? Sejam felizes que eu ainda acabo como o Antero e este fim de semana até há Lou Reed. E muitas reportagens, bem pagas, quando o são, e que morrem, vá-se lá saber porque, nas gavetas das redacções.  ( E este, que pouco aprecio, até tem razão. E petróleo há em Angola. Como em São Tomé. Linhas de crédito e perdão de dívidas?? Para? ). 

1 Comentário

  1. Não esqueças a rede dos cibers e o outro, o da esquina com o Bolhão que diz não estar lá para ganhar dinheiro mas para servir a causa de Alá.
    O que tem ligação directa a Riad, cânticos wahabistas nas colunas, todo o dia, tapete de oração e reza certinho nesse cyber de topo em Stª Catarina.
    O que vale é termos o SEF e o SIS e de certeza que estes imigrantes que estão registados na embaixada de Islamabad com uma morada falsa daqui, de recuo, são gente sossegada e que merece apoios.
    Eheheheheh….


Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

  • Blog Stats

    • 61,814 hits