Eu de futebóis percebo pouco mas até dói

perder um jogo como ontem, onde não adormeci a meio, onde Queirós, a não ser burro, teve de gerir equilíbrios clubísticos na caldeirada que herdou do Iscolari. Já nem falo dos nossos estrangeiros, mesmo quando Deco até terá sido brilhante. Um prazer. Mas, sinceramente, se Ricardo foi despachado e bem, porque raio lá continuam o Simão, o Nuno Gomes ou, ontem, em Alvalade, pois, acaso, com toda a gente a ver a Dinamarca a crescer e Portugal como de costume a encolher-se, meter Moutinho e esquecer, se a ordem era defender, Bruno Alves? O público deve ter gostado, nós perdemos e quanto a critérios, nem por acaso, o Enke, ( que como tantos, antes e depois dele, não prestava no Benfica ), foi o novo guarda redes da selecção alemã. Isto não muda, acreditem, é fado, já o sabia o Grande Antero de Quental em 1891 que se matou num outro 11 de Setembro, data que de bom nada augura. O Império vacila, as Liberdades e a Democracia foram engolidas pela segurança e pela economia e o caos é mais que muito. Um par de anos depois ” a desordem em que vivemos tem muitos mais vilões do que o costume “, ( escreve J. M. Fernandes em Editorial no Público, hoje, como se não fosse ele com José Pacheco Pereira, por exemplo, defensor acérrimo da receita aplicada depois ). O Islão não era mas tornou-se, de facto, uma ameaça real. O fundamentalismo fanático e o integrismo extremista apenas terá perdido, se perdeu, em capacidade bombística o que ganhou e consolidou em termos políticos e culturais. A Europa, acossada, assiste ao fim do seu tempo. Mas se a ameaça islâmica, ( que contagiou o próprio xiismo e a Katami viu suceder um alucinado Ahmadinejad ), já é, mais do que uma ameaça, uma realidade, a nossa civilização é ainda presa fácil a médio prazo do multiculturalismo obscurantista e intolerante que tolerantemente temos de acolher e aceitar, ou da emergência do mundo anunciado por Orwell. Da China à Índia ( das castas ), sim, mas o de Guântanamo, também, o dos desafios tecnológicos e científicos a trilharem caminhos assustadores. Por não vai mesmo haver Sócrates ou Manela que nos safe de um NO FUTURE consumado. Assim como assim, agora até nos dizem que o Kim Jong-il morreu em 2003 e aquele que vemos, sendo-o, não o é. Valha-nos isto se não for mais Propaganda, mesmo quando, para mim, acabava-se com a dita e ponto final.  

3 comentários

  1. Sting Não? porquê? Já agora…
    Não percebi nada desta mudança de endereço, qual é o novo endereço?
    Um abraço

  2. Não é o endereço. É a assinatura. A da wordpress não facilita ir aos blogspot.com’s.
    Abraço,

  3. Para rever os principais programas da TV e rádio aconselho a visita a este site:

    http://tinyurl.com/programas

    Directório de Programas de TV e Rádio na Internet com a possibilidade de aceder a canais de TV como CNN, Sky News, EuroNews, France 24, BBC World News, TVE 24, RAI, Bloomberg


Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

  • Blog Stats

    • 61,816 hits